OMG!!!!!!
Minha bebê, cadê essa menininha que cabia em duas mãos?
Quando foi que ela se tornou essa moça tão linda? Foi o tempo de um suspiro…


Pois é, o tempo voa e quando a gente menos espera a filha que antes dependia de você para tudo, agora é sua colega de trabalho!
Tava remexendo umas fotos antigas pro editorial de dia das mães da La Pomme e revivi tantas histórias incríveis que vivemos nesses 13 anos de Doricas. 3 estados, 5 cidades e um amor gigante dentro do peito.

Aliás reviver e criar memórias preciosas é a proposta da La Pomme para o dia das mães!

E sobre ser colega de trabalho. Sim! Dorica pediu pra trabalhar na La Pomme e está ajudando na preparação dos layout.
Além disso, encaramos um projeto juntas que me deixou contente e orgulhosa. Ela desenhou sua primeira estampa para loja: Unicórnio Encantado e nós preparamos um editorial bem bacana, com fotos do universo mágico dessa minha menina.
No link tem 25 curiosidades sobre ela e as fotos.


Vai encher meu coração de alegria se passar para uma visitinha e me contar o que achou!

Beijoca!
Evinha

Ando tão felizinha com minhas criações na La Pomme que mesmo com o blog abandonadinho, precisei vir aqui mostrar pra vocês as fofuras novas que já estão na loja.
Em 2015 decidimos que só vamos ter na loja produtos confeccionados por nós. Isso é uma conquista muito grande pra mim que amo criar, desenvolver, produzir…
Desse movimento, começam a nascer nossos novos bebês. Vem ver:


Ó, se curtiu, pode ir direto lá na loja ver mais de pertinho: lapomme.net.br
E se você gosta de acompanhar meu trabalho na La Pomme, te convido a assinar a {CAIXA DE SORRISOS} e receber em sua caixa de entrada, e-mails escritos com muito carinho sobre tudo que acontece no ateliê! É só clica no link: http://bit.ly/caixadesorrisos

*Oi, o Trololó é grande, se você só quer ver a fotos, rola a tela, se quiser um bocadinho de prosa sobre a minha vida, senta, pega um cafezinho que lá vem conversa!

Tem muita coisa nova acontecendo dentro de mim.
Sabe quando você entra numa casa fechada e abre todas as janelas? Já reparou como parece que uma energia diferente, positiva e motivadora toma conta do espaço?
É mais ou menos assim que ando me sentindo.
Eu sempre fui muito positiva, bem Poliana, sabe?
Mas sinto que tava perdendo o brilho da vida. Andava estressada e estafada. Uma certa descrença começava a querer se instalar e não! Eu não podia deixar isso acontecer. Eu quero uma vida que faça sentido, que tenha brilho no olho e muita luz entrando pela janela.

Fazer a transição, me reencontrar e me reconectar com meus valores não é algo simples, nem fácil, muito menos rápido.

Já repeti milhões de vezes que a mudança pra Jampa é parte desse desejo de mudança, mas mudar de cidade não é como virar um chavinha e plim! todos os problemas foram embora (na verdade eles nunca vão, sempre tem uma perrenga pra resolver, mas a forma como os encaramos faz toda diferença).
Me obriguei a sair de casa mais vezes, a fazer coisas novas e diferentes, mas vou te contar um segredo: me vi de novo no automático, estressada, irritada, exausta.
Percebi que eu precisava mudar, mudar a mim e o modo como eu enxergava a vida e agia.

Esse entendimento não caiu do céu e veio, como normalmente as coisas vêm pra mim, intuitivamente. Foram dias, meses, pensando na minha vida enquanto produzia, enquanto lavava prato. Sempre que tava fazendo coisas mecânicas meu pensamento viajava pra um lugar onde eu conversava comigo e só!

Esse processo tem sido libertador e eu tenho que agradecer imensamente à Rafa Cappai da Espaçonave e à Laurellie (por ter me apresentado à Paleo).
Assisti todos os vídeos da Rafa, de uma série chamada #vamoquevamo, e ela me motivou, me fez enxergar que se eu quiser, eu posso, mas, apesar de entender, ainda andava perdida, não conseguia colocar certas coisas em prática, não conseguia me concentrar, me organizar. Não achava o botão do foco. A Transformação tava acontecendo, mas tava tudo fora do lugar.
E aí que entra a Paleo, depois que mudei minha alimentação eu alcancei um nível de entendimento e de controle sobre mim que nunca tinha experimentado: mais concentração, menos ansiedade e uma casa de janelas abertas e muita luz entrando e invadindo a vida.

Agora você deve ta se perguntando: Ô, Eva?! Quêquisso tem com a “decor” da sua sala-escritório?
Seguinte, minha gente:  Vocês sabem que eu ganhei a bolsa pra fazer o curso da Rafa, né? O Decola!LAB!
E esse curso mexe demais com a gente, é um mergulho profundo dentro de si.
Acho, que em decorrência disso, meu local de trabalho começou a me incomodar, trabalhar olhando pra parede, minha mesa ficava num local de passagem e tava sempre caótica, bagunçada, espremida!
Aquilo começou a me dar um siricutico. Eu sou assim, às vezes eu preciso mudar tudo de lugar e quando eu faço isso permito e contribuo pra energia circular.

Sábado, mesmo cansada, vindo de uma semana muito tensa (Eder fez uma cirurgia – simples, mas eu sempre fico apreensiva, correria pra deixar tudo em dia e em ordem antes da cirurgia), com Eder ainda se recuperando, eu resolvi mudar TUDO aqui no ateliê, eu precisava de espaço, um espaço meu (tá tudo ligado gente! Lembra quando eu falei de precisar me enxergar na minha casa? Faz parte desse processo), um espaço que acompanhasse essa mudança. Não queria trabalhar de cara pra parede, nem num lugar que não me sentia bem.

Agora eu trabalho olhando cores, vendo as coisas que me motivam: fotografia, livros (apesar de não gostar de ler, eu AMO livros), coisinhas que me recordam bons momentos
No domingo, passei o dia estudando na minha mesa nova e tudo fluiu tão melhor.
A gente muda dentro e o exterior tem que acompanhar :)

Vista da minha mesa:

20141019-225618-82578168.jpg

Máquinas de várias fases fotográficas de nossa vida. Muitas fotos e elementos que remetem à fotografia. Será que eu amo?

20141019-230046-82846812.jpg

20141019-230045-82845746.jpg

20141019-230049-82849540.jpg

20141019-230024-82824977.jpg

20141019-230047-82847850.jpg

Esse “quadrinhos” de Paris são porta copos que Fernanda Bérgamo trouxe de lá de presente pra mim <3
O telefone foi um achado num ferro velho.

20141020-174059-63659397.jpg

*Preste reparo nos toys de lego que minha Doricas fez: um pinguim e um gatinho <3

20141019-225619-82579225.jpg

20141019-230022-82822563.jpg

Bandeirinhas cheias de sorrisos e alegria (e a cadeira tá escalada pra uma reforma)

20141019-225620-82580433.jpg

20141019-225652-82612321.jpg

Mais um cantinho com delicadezas:
- Quadrinho de Nanda Teixeira
- Foto do Por do Sol no Engenho Anjicos
- Suculenta da feirinha orgânica
- Bonequinhos que foram topo de bolo num aniversário de Dora
- Um vaso que compramos numa viagem à Natal
- E uma divindade presente de Talma

20141020-174057-63657141.jpg

O que a tinta spray não fizer por você, nada mais faz! Oi amarelão :)

20141019-225651-82611286.jpg

Meu caderno colorido de estudos <3 (da La Pomme, claaaaaro)

20141019-225653-82613062.jpg

20141019-230023-82823782.jpg

20141019-225654-82614118.jpg

Porta chaves, bolsa e casaco na entrada de casa, feito com moldura entalhada por um artesão de Olinda.

Agora eu tô felizinha da silva com meu cantinho criativo de trabalho <3

beijoca!

Uma das coisas que eu achei que ia morrer de vontade quando comecei a seguir o estilo de aliementação paleo, era pão e bolo….
Mas olha, nem sinto tanta falta assim… E quando sinto tem opções saudáveis e gostosas pra resolver isso.
Quer uma receitinha sem leite (e se quiser sem lactose), sem farinha de trigo (sem glúten) e saudável?
Olhaí

20141006-195517-71717741.jpg

4 ovos (claras em neve)
1 xícara de farinha de amêndoa peneirada (pra ficar bem fininha)
4 colheres (sopa) bem cheias de manteiga (pra ficar sem lactose use ghee ou 8 colheres de óleo de coco)
1 xícara de farinha de coco (eu faço a minha assim: compro coco, bato no liquidificador, tiro o leite de coco, pego o bagaço e rebato no liquidificador pra ficar bem fininho)
5 colheres (sopa) de cacau em pó
5 colheres (sopa)  de mel
1 ½ xícara de leite de coco (faço caseiro a partir do coco batido no liquidificado com um pouco de água de coco)
1 colher de fermento químico
Castanhas picadas (grande) (opcional)

20141006-195352-71632675.jpg

20141006-195353-71633895.jpg

Bate as claras em neve e reserva.
Mistura todos os ingredientes deixando o fermento por último e depois incorpora as claras em neve. Se quiser adicione castanhas à massa.
Coloque em forminhas de silicone e jogue mais castanhas por cima.

Fica mais molhadinho e delicioso <3

20141006-195350-71630962.jpg

E já que você veio aqui ver minha peripécias na cozinha, dá uma espiada nas minhas peripécias Lapommaníacas.
Produto e estampas novinhos.
Como todo produto da La Pomme, você pode escolher qualquer umas das mais de 200 estampas que estão disponíveis na loja e personalizar do seu jeitinho! Clica aí na imagem que eu te levo até lá

Gostaram? Me contem!

Um beijo!
Evinha

Lembra do pãozinho de linhaça? O acompanhamento perfeito pra ele é um requeijão cremoso que eu faço!
É fácil, olha só:

- Ferva 1 litro de leite
- Quando levantar fervura, jogue o suco de um limão pra coalhar o leite (se não coalhar repita o processo)
- Passe num tecido pra separar o soro da parte solida
- Leve ainda quente ao liquidificador com um pouco de leite e o tempero que você mais gostar
- Tá pronto

Ele não fica lisinho como os industrializados, fica mais poroso, mas te garanto que é muito mais saudável e eu acho mais gostoso.
Se você tiver acesso a um leite de fazenda, de vaca que se alimenta de pasto, melhor ainda!


Você curte meu trabalho com a La Pomme?
Então fica aí pra eu te contar como você pode concorrer à cupons de vale compras no valor de R$ 50,00

desafio-da-ma-a.jpg

E como é isso, Eva?
É fácil, gente, vê só:

A participação

- Postar uma foto onde apareça um produto La Pomme, nem precisa ser o produto na real, vale até tirar foto do computador com o produto na tela…
- A postagem deve ser feita no Facebook, Instagram ou twitter e além da foto deve conter:
* Um depoimento
* Citar a La Pomme em forma de marcação (para que seus amigos e seguidores possam clicar e ir até o nosso perfil)
* Utilizar #desafiodamaçã #euamolapomme (é por elas que vamos encontrar e contabilizar sua foto)
Importante: A foto precisa estar em modo público senão não conseguimos visualizar e contabilizar.
Pode postar quantas fotos quiser em uma ou mais das redes sociais citadas acima.

A premiação:
- A cada 50 postagens será liberado um cupom de R$ 50,00 para efetuar compras na loja.
- A duração do desafio será indeterminada e pode ser encerrada a qualquer instante sem prévio aviso.

A contemplação:
- Não será nem por sorteio, nem por votação. A escolha será feita por nós levando em consideração a criatividade da foto e/ou do depoimento. Então manda ver.

Agora deixa eu ir trabalhar, minha semana vai ser produtiva e feliz e  sua?

Um beijo!

Chegou sim!
E eu vim aqui pra te contar duas coisas.

Uma é, na verdade, um agradecimento: Consegui a bolsa pro Decola! LAB e estou muito feliz.
Se você é um criativo e quer decolar uma ideia ou um negócio, dá uma olhadinha na fanpage e no site da espaçonave. Inclusive tem um webseminário massa hoje com a linda da Rafa Cappai:

Venho acompanhando a Rafa e a espaçonave tem uns meses e tenho aprendido demais com o conteúdo disponibilizado.

Uma das coisas que tenho aprendido é a colocar a mão na massa, parar de adiar e de arranjar desculpas e agir, colocar as coisas pra frente. Sair da nossa zona de conforto, parar de achar que não sei, que é difícil, que sou tímida, que… que… que…
Vai e faz! Se não conseguir fazer tudo, fazer tudo o que puder!
E, olha, o resultado é surpreendente!

Desenhar pra mim sempre foi um obstáculo! Sempre curti, mas nunca me achei capaz e acreditei isso do fundo do meu coração.
Mas, felizmente, tenho me libertado desses mitos e monstros que a gente aprende a acreditar, e o pior, a cultivar.

Enfim, chega de blá blá, essa foi a introdução para a segunda coisa que eu quero mostrar!

O mais novo desenho que já tá lá na La Pomme:


Essa mocinha feliz nasceu da inspiração vinda da música de Yuri Queiroga, “Como se a primavera”, interpretada pela voz alegre e doce de Vanessa Oliveira (clica pra ouvir porque vale a pena).

E no fim eu fiquei feliz com o resultado, feliz por ter saído da minha zona de conforto, parado de acreditar em monstros maus e começado a acreditar no poder do fazer!

Gostaram?
Vai lá na loja ver porque além da boneca tem uma estampa pra acompanhar e uma surpresa que quero dividir com você: Clica aqui que eu te dou uma carona até lá

Minha semana vai ser linda e colorida e a sua?
beijos
Evinha!

Dica BBB, heim?
Uma das coisas que herdei da mama na última limpa que fiz na cada dela (ha ha ha) foi esse movelzinho aí!
Tava escanteado e cheio de poeira.
Na hora eu quis pra mim e já sabia qual seria o destino dele.

20140725-235934-86374139.jpg
Ele ainda ficou uns dias encostado e eu sem saber ao certo que eu ia fazer nele.
Aí resolvi colar tecido, separei as estampas, fiz os cortes, colei e…
HORRÍVEL!!!!!

Arranquei tudo e lembrei de umas revistas Zuppi que eu tenho, não tive dúvidas, escolhi uns desenhos bonitos e cola neles!
Eu amava forrar os móveis com revista quando era adolescente, tinha várias coisas assim e ficava horas escolhendo as imagens e colando.
Pra fazer é muito fácil, é só passar a cola e colar o recorte. Depois passar cola por cima pra dar uma impermeabilizada. A depender do móvel é aconselhável passar verniz spray pra reforçar a impermeabilização.

20140720-160639-57999116.jpg

O lugar certo dele era a minha mesa, pra ver se coloca ordem, porque vou te contar, viu? Nunca vi mesa mais bagunçada que a minha, não importa quantas vezes arrume ou quantos meses fique sem arrumar. É bagunça no grau mil.

No fim da constas eu fiquei meio “decepcionada” porque as estampas ficaram todas escondidinhas. Mas ele tem me ajudado bastante. Agora é bagunça é grau 900…rs

Detalhes dos “badulaques” da minha mesa:

LPS que Dorica me deu e lá atrás eu e Eder versão biscuit

Gatinho de LEGO, feito por Dorica, claro!


Cestinhas que eu AMO!


E minha caneca plástica personalizada luxo da La Pomme com a estampa “Flores de março” que eu desenhei.
(as duas estão disponíveis lá na loja)

Você assina a news da La Pomme?  Semana passada eu mostrei um pedaço do ateliê em primeira mão.
Clica aqui pra assinar, eu escrevo pessoalmente, toda semana, e-mails contando novidades, como foi a semana e tem sempre presentes e vantagens exclusivas pra quem é assinante.

Olha um pedacinho do que eu mostrei lá:
Olha só que massa essa ideia de mesinha lateral com revistas!

Minhas máquinas ganharam capinhas novas e com a marca da loja <3
E as paredes, ganharam mais amor com os dois lançamentos da La Pomme:
A coleção “Eu amo costurar” e Pôster rígido personalizado.

Tô super animada com as mudanças que ando fazendo por aqui!
Acho que a próxima coisa que vou mostrar é o quarto de Dora :)

Beijocas!

“Quem aqui já assistiu Procurando Nemo?
Quem não assistiu, assista. É uma ótima aula de biologia”
Assim começa a palestra de Rita Mascarenhas, Bióloga coordenadora do projeto Tartarugas Urbanas – Guajiru.
A ONG Guajiru atua na conservação e recuperação de tartarugas marinhas e educação ambiental na Paraíba há 12 anos.

É um trabalho feito por voluntários que doam um pouco do seu tempo e conhecimento para tornar o projeto viável e ajudar esses animais ameaçados de extinção.
A espécie comum que desova na costa paraibana é a tartaruga de pente, assim chamada pela beleza do seu casco que era utilizado para confecção de pentes e adornos.
As tartarugas nascem e fazem uma viagem pelo mundo em busca de alimento. São fiéis ao local de seu nascimento (só põem ovos no mesmo lugar que nasceram), por isso, com mais ou menos 30 anos, quando alcançam maturidade sexual, elas fazem uma importante viagem de volta para reproduzir e colocar em média 130 ovinhos enterrados na areia. Por esse motivo é tão importante a preservação das praias e sua vegetação nativa, afinal se as tartarugas daquele local não encontrarem condições para reprodução serão extintas.
Além do tratamentos dos animais que chegam doentes ou feridos, uma das ações mais significativas da ONG são as cesarianas de areia que salvam uma média de 12mil tartarugas por ano em um trecho urbano de 7 km de praia.

20140504-083131.jpg

20140504-083117.jpg

Naturalmente os filhotes de tartarugas nascem durante a noite. Mais ou menos 55 dias depois que os ovos são colocados os filhotes rompem o ovo, cavam a areia e chegam à superfície, em seguida, guiadas pela luz dos astros refletidas na água, seguem em direção ao mar.



20140504-083415.jpg
Com a urbanização da orla, as luzes da cidade desorientam as tartarugas que seguem para o lado contrário e morrem cansadas, desidratadas ou até atropeladas. Para evitar isso, todo os dias as praias são monitoradas em busca de ninhos, estes são identificados e cercados (para evitar o pisoteio) e quando as tartarugas estão prontas para nascerem, elas são retiradas da areia pela equipe da ONG durante o dia e colocadas na areia para que, guiadas pelo reflexo do sol no mar, façam o caminho correto e cheguem até a água.



De cada mil tartarugas, uma ou duas chegam à fase adulta. As outras servem de alimento para outros animais ajudando a manter o equilíbrio na cadeia alimentar.
*Texto escrito baseado nas palestras da ONG.

O texto vai ficar (ainda mais) longo, mas é algo que eu precisava deixar registrado aqui.
Antes de mudar para João Pessoa eu já conhecia o projeto e quando mudamos fiquei com muita vontade de fazer parte disso, mas não consegui por conta da bagunça da mudança, adaptação. Enfim…
De alguma forma o universo conspirou pra que um desejo adolescente… (Sim! O meu projeto de vida era me tornar bióloga marinha, viver na praia ou em alto mar e dedicar meus estudos aos animais. Mas no meio do caminho tive que escolher e eu abri mão disso pra ser mãe e o sonho ficou guardado).
Voltando para conspiração do universo:
Um dia Rita entrou em contato com a La Pomme porque precisavam de camisetas para Guajiru – A ONG mantém uma pequena loja com o propósito de levantar recursos para manutenção das atividades, já que não possuem incentivo financeiro externo. É a venda dos produtos disponibilizados que garante a continuidade do trabalho.



As camisetas ficaram lindas e foi um trabalho que eu realizei feliz da vida, pensando nos caminhos que trilhamos, relembrando do meu sonho…
No dia da entrega das camisetas, resolvemos ficar por alí e ajudar um pouco.
Isadora me intimou: Mãe, eu quero ser voluntária! Deixa, por favor!
Ah! Como negar isso? Minha filha não estava me pedindo pra ir ao shopping ou pra lhe comprar coisas caras ou fazer um passeio vazio. Ela queria fazer parte de um projeto que trabalha em prol do coletivo. Não deu pra negar (e na verdade eu não queria). Agora, uma vez por semana nós 3 vamos lá doar um pouquinho do nosso tempo.
Ainda ficamos um pouco perdidos, mas emoção de estar alí é demais.
Ver Isadora empolgada e apaixonada em cuidar da natureza, estar na praia, estar em contato com um pedaço de um sonho antigo.
Sem contar a energia boa que girar em torno das pessoas, o sorriso no rosto, mesmo andando no sol quente, na areia fofa. Nós 3 juntos <3
Eu poderia escrever o resto da vida e não conseguiria explicar  a felicidade de sentir um filhotinho de tartaruga nadando sobre meu pé, de ver Isadora e Eder ajudando no nascimento das tartaruguinhas, de ver presenciar a corrida dessas pequenas em direção ao mar e ver elas ficarem elétricas quando sentem a água do mar…

Sou grata pela minha vida e pelos caminhos que ela tem me levado!
Sou grata pelas pessoas com quem tenho cruzado.

Quem quiser conhecer o trabalho da Guajiru:
www.guajiru.com.br/
www.facebook.com/tartarugasurbanas

Quem quiser ajudar a ONG pode adotar um ninho ou adquirir os produtos da lojinha.
Em breve estará no ar uma loja on line.

E lembrem-se descartem seus lixos de forma correta, pense num consumo consciente, descarte o uso de sacolinhas ou embalagens sempre que der. É assustadoramente crescente o número de animais doentes e mortos com obstrução intestinal causada por plástico. Como diz Rita, até techa de computador já foi encontrada dentro da barriga das tartarugas.
Cuidem da vegetação da praia, aquele “mato” tem um função essencial para reprodução das tartarugas e para o equilibrio da praia. Evite andar sobre a vegetação, não plante coqueiro (o coqueiro não é vegetação típica da orla, faz sombra e mata a vegetação rasteira), não jogue lixo.
Nós não estamos acima da natureza, nós fazemos parte dela e precisamos dela também.
Cada um pode fazer a sua parte, sem precisar sair de casa pra isso, basta pensar nas suas ações e mudar alguns hábitos!


Um beijo pra vocês de uma pessoa que está se sentindo muito feliz!
:)

{Fotos retiradas do facebook do Projeto Tartarugas Urbanas, meu instagram @evinhac e da La Pomme @lojalapomme}

Sabe aquele gostinho de superação?
É o que eu tenho sentido ultimamente.
Sempre tive um certo bloqueio com desenho. Na faculdade era a matéria que eu mais sentia dificuldade e ao mesmo tempo um dos que mais me motivava (depois da fotografia).
Por um tempo o ato de desenhar ficou adormecido, mas recentemente voltei a desenhar, com uma boa dose de resistência, medo e insegurança.
Mas se tem uma coisa em que acredito é que o medo não pode te parar!

E numa dessas madrugadas insones uma luzinha acendeu na minha caixola, acendi o abajur, caderno de desenho e lápis na mão e nasceu uma bonequinha fada, mãe da alegria!

Fiquei tão orgulhosa por ter rompido meus bloqueios e ansiosa pra sair mostrando pra todo mundo no dia seguinte!


A fada virou desenho para campanha do dia das mães e ficou guardadinha em segredo até hoje. E eu super ansiosa só esperando chegar o dia.
Um coisa que pode parecer simples pra maioria das pessoas, mas pra mim tem uma importância enorme.
E é por isso que eu amo meu trabalho porque eu posso ser eu em tempo integral, posso usar meus sentimentos pessoais como motivadores pra agir profissionalmente.
O resultado ficou assim! Agora vai lá na loja ver tudo, tudinho? Vai sim né? clica aqui que eu te levo pra lá!

20140414-084939.jpg
A bolsa tote é lançamento e essa aí da foto é minha! hahahaha

20140414-085114.jpg

*Eu não aguentei esperar e fiz uma camiseta pra mim antes do tempo! hihihihi

Gostaram? Me conta!
Um beijo e um semana cheia de magia e alegria! <3

Eita que hoje eu tô super feliz!

Pra quem não sabe minha mãe, a Diva Margaret, tem um shopping virtual com lojas e produtos bacanas e cheios de amor.
A Divitae entrou em uma nova fase e eu tive a honra de fazer parte dela.
Além de ter feito algumas peças para as fotos institucionais pela La Pomme e trocar muita ideia com minha mãe sobre melhorias e tudo mais, fui a responsável pela parte mais legal: As fotoooooos! :)

Minha mãe veio pra Jampa com uma super modelo, linda e maravilhosa: aquela moça linda do Delineado gatinho, mais conhecida como minha irmã… hahahahah
Isa foi ótima durante as fotos. Adoro fotografar ela porque ela não reclama, não dá chilique, faz o que a gente pede e o resultado é sempre super legal!
Além disso ela foi a responsável pela nova marca, porque ela não é só mais um rostinho bonito na net, ela é uma designer MUITO talentosa (cês sabem disso, né?)

Foi muito bom ter minha mãe aqui em casa por uns dia e foram dias de muito trabalho, de noites viradas mas muito divertidos.

E porque eu tô falando tudo isso?
Porque hoje foi pro ar a #novadivitae e tá tudo tão lindo e eu tô tão orgulhosa que precisa vir aqui contar!!!!


Olha aí minha mãe divando enquanto a gente fazia os ajustes de luz e cenário <3

Vem gente! Vem ver que coisa mais linda: divitae.com.br

Beijo pra vocês!

© 2014 asperipeciasdeeva.com.br Suffusion theme by Sayontan Sinha