*Oi, o Trololó é grande, se você só quer ver a fotos, rola a tela, se quiser um bocadinho de prosa sobre a minha vida, senta, pega um cafezinho que lá vem conversa!

Tem muita coisa nova acontecendo dentro de mim.
Sabe quando você entra numa casa fechada e abre todas as janelas? Já reparou como parece que uma energia diferente, positiva e motivadora toma conta do espaço?
É mais ou menos assim que ando me sentindo.
Eu sempre fui muito positiva, bem Poliana, sabe?
Mas sinto que tava perdendo o brilho da vida. Andava estressada e estafada. Uma certa descrença começava a querer se instalar e não! Eu não podia deixar isso acontecer. Eu quero uma vida que faça sentido, que tenha brilho no olho e muita luz entrando pela janela.

Fazer a transição, me reencontrar e me reconectar com meus valores não é algo simples, nem fácil, muito menos rápido.

Já repeti milhões de vezes que a mudança pra Jampa é parte desse desejo de mudança, mas mudar de cidade não é como virar um chavinha e plim! todos os problemas foram embora (na verdade eles nunca vão, sempre tem uma perrenga pra resolver, mas a forma como os encaramos faz toda diferença).
Me obriguei a sair de casa mais vezes, a fazer coisas novas e diferentes, mas vou te contar um segredo: me vi de novo no automático, estressada, irritada, exausta.
Percebi que eu precisava mudar, mudar a mim e o modo como eu enxergava a vida e agia.

Esse entendimento não caiu do céu e veio, como normalmente as coisas vêm pra mim, intuitivamente. Foram dias, meses, pensando na minha vida enquanto produzia, enquanto lavava prato. Sempre que tava fazendo coisas mecânicas meu pensamento viajava pra um lugar onde eu conversava comigo e só!

Esse processo tem sido libertador e eu tenho que agradecer imensamente à Rafa Cappai da Espaçonave e à Laurellie (por ter me apresentado à Paleo).
Assisti todos os vídeos da Rafa, de uma série chamada #vamoquevamo, e ela me motivou, me fez enxergar que se eu quiser, eu posso, mas, apesar de entender, ainda andava perdida, não conseguia colocar certas coisas em prática, não conseguia me concentrar, me organizar. Não achava o botão do foco. A Transformação tava acontecendo, mas tava tudo fora do lugar.
E aí que entra a Paleo, depois que mudei minha alimentação eu alcancei um nível de entendimento e de controle sobre mim que nunca tinha experimentado: mais concentração, menos ansiedade e uma casa de janelas abertas e muita luz entrando e invadindo a vida.

Agora você deve ta se perguntando: Ô, Eva?! Quêquisso tem com a “decor” da sua sala-escritório?
Seguinte, minha gente:  Vocês sabem que eu ganhei a bolsa pra fazer o curso da Rafa, né? O Decola!LAB!
E esse curso mexe demais com a gente, é um mergulho profundo dentro de si.
Acho, que em decorrência disso, meu local de trabalho começou a me incomodar, trabalhar olhando pra parede, minha mesa ficava num local de passagem e tava sempre caótica, bagunçada, espremida!
Aquilo começou a me dar um siricutico. Eu sou assim, às vezes eu preciso mudar tudo de lugar e quando eu faço isso permito e contribuo pra energia circular.

Sábado, mesmo cansada, vindo de uma semana muito tensa (Eder fez uma cirurgia – simples, mas eu sempre fico apreensiva, correria pra deixar tudo em dia e em ordem antes da cirurgia), com Eder ainda se recuperando, eu resolvi mudar TUDO aqui no ateliê, eu precisava de espaço, um espaço meu (tá tudo ligado gente! Lembra quando eu falei de precisar me enxergar na minha casa? Faz parte desse processo), um espaço que acompanhasse essa mudança. Não queria trabalhar de cara pra parede, nem num lugar que não me sentia bem.

Agora eu trabalho olhando cores, vendo as coisas que me motivam: fotografia, livros (apesar de não gostar de ler, eu AMO livros), coisinhas que me recordam bons momentos
No domingo, passei o dia estudando na minha mesa nova e tudo fluiu tão melhor.
A gente muda dentro e o exterior tem que acompanhar :)

Vista da minha mesa:

20141019-225618-82578168.jpg

Máquinas de várias fases fotográficas de nossa vida. Muitas fotos e elementos que remetem à fotografia. Será que eu amo?

20141019-230046-82846812.jpg

20141019-230045-82845746.jpg

20141019-230049-82849540.jpg

20141019-230024-82824977.jpg

20141019-230047-82847850.jpg

Esse “quadrinhos” de Paris são porta copos que Fernanda Bérgamo trouxe de lá de presente pra mim <3
O telefone foi um achado num ferro velho.

20141020-174059-63659397.jpg

*Preste reparo nos toys de lego que minha Doricas fez: um pinguim e um gatinho <3

20141019-225619-82579225.jpg

20141019-230022-82822563.jpg

Bandeirinhas cheias de sorrisos e alegria (e a cadeira tá escalada pra uma reforma)

20141019-225620-82580433.jpg

20141019-225652-82612321.jpg

Mais um cantinho com delicadezas:
- Quadrinho de Nanda Teixeira
- Foto do Por do Sol no Engenho Anjicos
- Suculenta da feirinha orgânica
- Bonequinhos que foram topo de bolo num aniversário de Dora
- Um vaso que compramos numa viagem à Natal
- E uma divindade presente de Talma

20141020-174057-63657141.jpg

O que a tinta spray não fizer por você, nada mais faz! Oi amarelão :)

20141019-225651-82611286.jpg

Meu caderno colorido de estudos <3 (da La Pomme, claaaaaro)

20141019-225653-82613062.jpg

20141019-230023-82823782.jpg

20141019-225654-82614118.jpg

Porta chaves, bolsa e casaco na entrada de casa, feito com moldura entalhada por um artesão de Olinda.

Agora eu tô felizinha da silva com meu cantinho criativo de trabalho <3

beijoca!

© 2014 asperipeciasdeeva.com.br Suffusion theme by Sayontan Sinha